Picanha ao forno

picanha-7

Serve 04 pessoas
Tempo de preparo: aprox. 45 minutos
Nível de dificuldade: fácil

Ingredientes

1 picanha de até 1,2Kg
Sal grosso e fino
Alho picado
Azeite extravirgem

Modo de preparo

Temperar a parte da gordura da picanha com sal fino; temperar o outro lado com sal grosso, alho picado e azeite. Colocar a picanha temperada numa forma com a gordura virada para cima.
Preaquecer o forno na sua temperatura máxima (aprox. 270°C) por 5 minutos. Colocar a picanha para assar por 45 minutos.
Fatiar a picanha e servi-la imediatamente.

Observações

1) O tempo de preparo depende do ponto desejado da carne. Com 45 minutos no forno, a carne normalmente estará ao ponto.
2) Não se deve perfurar a carne com o objetivo de temperá-la.
Bom apetite!

Receita original de Fernando Stempfer, Diretor da Casa Santa Terra.

Carne de Preguiçoso

lagarto com cerveja

Serve 06 pessoas
Tempo de preparo: 40 a 50 minutos
Nível de dificuldade: Muito fácil

Ingredientes

1 Kg de lagarto redondo
1 lata de cerveja preta (tipo Malzbier)
1 lata de molho de tomate tipo Pomarola
1 pacote de sopa de cebola
1 colher de óleo

Modo de preparo

Doure bem a carne de todos os lados no óleo até formar um pregadinho escuro no fundo da panela de pressão. Coloque todos os ingredientes e cozinhe por 40 a 50 minutos.

Bom apetite!

Receita original de Cristina Marselha, a quem agradecemos a gentileza de nos ceder os seus segredos culinários.

Tender

Tender

Serve 06 pessoas
Tempo de preparo: 1h15
Nível de dificuldade: médio

Ingredientes

1 tender bolinha sem osso
2 colheres de sopa de mostarda tipo Dijon
1 colher de sopa de vinagre de maçã
Cravo da índia
2 xícaras de chá de suco de laranja pera
10 colheres de sopa de glucose de milho
1 lata de abacaxi em calda
1 lata de pêssego em calda
1 lata de figo em calda
15 cerejas frescas

Modo de preparo:

Faça cortes pequenos por toda a superfície do tender, de tamanho e profundidade apropriados para encaixar um cravo da índia em cada corte.
Misture a mostarda com o vinagre e besunte todo o tender.
Jogue a glucose de milho por todo o tender sem esfregar de modo a não retirar a mostarda.
Coloque o suco de laranja numa assadeira funda e do tamanho do tender.
Cubra o tender com papel alumínio e leve ao forno a 180ºC, deixando aproximadamente 30 minutos. Retire o papel alumínio e deixe por mais 30 minutos para dourar, regando sempre com o molho da assadeira. Retire do forno.
Com o molho que sobrou na assadeira misture 5 colheres da calda da lata de abacaxi e na hora de servir regue com essa mistura as fatias cortadas.
Enfeite o tender com as frutas em calda e cerejas.
Bom apetite!

Receita original de Deise Leal, a quem agradecemos a gentileza de nos ceder os seus segredos culinários.

Rocambole de carne moída

rocambole-de-carne-moida

Serve 06 pessoas
Tempo de preparo: 1 hora
Nível de dificuldade: Médio

Carne temperada

1 kg de carne moída de primeira (patinho ou coxão mole)
1 ovo
1 envelope de tempero em pó sabor bacon
1 dente de alho picado
1 cebola média picada
Salsinha e cebolinha picadinhas
Obs: não adicione sal.
Tempere a carne com todos os ingredientes, misturando bem até ficar homogênea. Reserve.

Recheio de palmito

500 gramas de palmito (pupunha ou palmital) picado
1 cebola média picada
1 dente de alho picado
1 tomate sem pele picado
10 azeitonas verdes picadas
1 copo de leite
1 colher de sopa de Maisena
2 colheres de sopa de azeite
Sal a gosto
Salsinha e cebolinha picadinhas
Coloque o azeite em uma panela, refogue o alho e a cebola. Em seguida, coloque o palmito picado, o tomate, as azeitonas e refogue por mais dois minutos. Acrescente o sal, a salsinha e a cebolinha (opcionalmente, adicione pimenta). Dissolva a maisena no leite frio e jogue no refogado para encorpar. Deixe ferver misturando sempre até ficar um creme firme. Reserve.

Mozzarella e parmesão

500 gramas de mozzarella para a montagem
50 gramas de queijo parmesão ralado para polvilhar

Montagem do rocambole

Pegue um pedaço de papel alumínio de 50 x 60 cm e polvilhe farinha de rosca. Pegue a carne temperada, abra um retângulo de aproximadamente 2 cm de espessura, colocando metade da mozzarella por cima da carne. Acima da mozzarella, coloque o recheio de palmito. Cubra o recheio com o restante da mozzarella. Enrole a carne como um rocambole, apertando levemente. Unte uma assadeira somente com óleo. Coloque o rocambole sem o papel alumínio e leve ao forno em fogo médio por aproximadamente 30 minutos. Retire do forno e polvilhe queijo parmesão ralado. Sirva em seguida com arroz branco e salada verde.
Bom apetite!

Receita original de Deise Leal, a quem agradecemos a gentileza de nos ceder os seus segredos culinários.

Rondelli de Ricota com Espinafre

Rondelli de Ricota com Espinafre

Mais uma das minhas massas caseiras. Essa é super light e nem por isso menos deliciosa!
Para conferir a receita que é usada para fazer qualquer massa (macarrão, ravioli, capeletti, etc), clique AQUI.
E para a receita do meu molho ao sugo clique  AQUI.

Os ingredientes que usei no recheio para fazer uma quantidade suficiente para 2 pessoas são:

4 bolinhas de espinafre (o espinafre picado que eu compro vem congelado em formato de bolinhas);
200g de ricota;
4 colheres (sopa) de cebola picada;
1 dente de alho picado;
1 colher (sopa) de requeijão (usei Light);
Sal, pimenta e ervas finas.
Rondelli de Ricota com Espinafre 2 Rondelli de Ricota com Espinafre 3
Não tenho como descrever a leveza dessa massa! Embora estivesse deliciosa, da próxima vez vou abrí-la  numa espessura um pouco mais grossa. Abri a massa no cilindro na espessura mais fina possível e o rondelli não ficou com o formato bem redondinho, mas ficou muito levinho! Aprovadíssimo!
credito_panelaterapia

Moqueca de Cordeiro com Pirão de Leite

Moqueca de Cordeiro com Pirão de Leite

Para o Cordeiro:
50 ml de azeite
03 cebolas médias picadas
04 tomates maduros picados
01 Pimentão Amarelo
800g de pernil (ou paleta) de cordeiro em cubos de 2 cm x 2 cm
02 folhas de louro
½ xícara de leite de coco
Sal
½ xícara de salsinha e cebolinha verde picadas
Em uma panela, fora do fogo, monte em camadas, o cordeiro, o tomate, o pimentão, o cheiro verde, o louro e a cebola. Tampe a panela e coloque-a em fogo baixo. Aos poucos se o líquido secar regue com um pouco de água. O ponto do cozimento é a maciez da carne. Quando estiver bem macia, junte o leite de coco e sal a gosto.
Para o Pirão de Leite:
300 ml  de leite de coco
01 xícara de farinha de mandioca crua
01 xícara do caldo formado na moqueca do cordeiro.
01 colher (rasa) de açúcar
Leite a gosto (opcional)
Em uma frigideira, coloque a farinha e junte ½ xícara de água para molhá-la. Em uma panela, aqueça o caldo retirado da moqueca do cordeiro e o leite de coco e vá mexendo sempre, incorporando a farinha aos poucos. Prove o pirão, salgue a gosto e incorpore o açúcar. Se quiser o pirão mais ralo, agregue leite aos poucos até o ponto desejado.

credito_panelaterapia

Medalhão de Filé Mignon Suíno

Medalhão de Filé Mignon Suíno

 

Eu já cansei de dizer p/ vocês o quanto eu gosto de carne de porco e o quanto, ao contrário do que pensam, ela é uma carne magra. Enquanto a carne do boi tem a gordura entremeada às fibras a carne de porco (alguns cortes) tem a gordura aparente e uma vez retirada essa carne se compara à carne branca.

Filé mignon suíno, é uma carne que não falta aqui em casa. Compro as peças inteiras e congelo. Tem o mesmo formato do filé bovino, só que é menor. Muitas vezes a gente passa por esse corte no mercado ou açougue e nem percebe, mas fiquem ligadas colegas, é uma carne barata e deliciosa.
Dessa vez eu cortei em medalhões e temperei da maneira como ensinei –> aqui. O tempero na carne de porco faz toda a diferença porque ela é uma carne de cor clara.
Medalhão de Filé Mignon Suíno 2
Aí foi só selar dos dois lados (tampar um pouco para abafar e cozinhar por dentro e servir sobre uma caminha de purê (receita –> aqui). Delícia preguiçosa para o feriado!
credito_panelaterapia

Porco Picante com Purê de Mandioquinha

Porco Picante com Purê de Mandioquinha

Nem acredito que consegui voltar e fazer um almoço de “gente”!
Eu precisava utilizar as lindas mandioquinhas (batata baroa) que estavam na geladeira e um pedaço de filé mignon suíno. A combinação ficou maravilhosa!
Para o purê basta cozinhar as mandioquinhas (usei 6 pequenas) em água fervente até ficarem macias. Escorra, passe pelo espremedor de batatas ou amasse. Acrescente uma colher cheia de manteiga, sal e 150 ml de leite. Leve novamente ao fogo até aquecer e engrossar (2 minutinhos). Tá ligada que os purês não podem ferver né? Eles perdem o ponto ideal.
Porco Picante com Purê de Mandioquinha 2
Para a carne picante usei tirinhas de filé mignon suino previamente temperadas (aí cada um faz do seu jeito) refogadas em uma mistura de manteiga e óleo de gergelim (pode ser óleo comum). Quando a carne estava quase dourada, acrescentei 2 dentes de alho e 1 colher de café de gengibre picados (usei em conserva). Misturei até a carne ficar dourada. Em seguida polvilhei 1 colher de sobremesa de farinha de trigo sobre a carne, 1/4 de xícara de molho de soja (Shoyu) e a mesma quantidade de água. Deixei ferver até virar um molho grosso. Se achar necessário coloque mais água.
Porco Picante com Purê de Mandioquinha 3
credito_panelaterapia

Escondidinho de Picanha

Escondidinho de Picanha

Como vocês sabem, aqui em casa não rola desperdício, então tive a ideia de fazer esse escondidinho com as sobras de um churrasco, e não é que ficou uma delícia?
Na ocasião tiramos a carne da churrasqueira ainda mal passada, faço isso quando sei que vai sobrar e posteriormente vou fazer algum prato com ela. Refoguei a picanha com as sobras do vinagrete (escorri o caldo). Não usei sal porque a carne era bem salgada.
Escondidinho de Picanha 2
Para o purê usei a mandioca (macaxeira ou aipim) que já vem cozida, essa de caixinha. Usei 500g. Como essa mandioca vem mais firme eu cozinhei um pouco (5 minutos) em água fervente. Escorri, amassei com 1 colher (sopa) bem cheia de manteiga, um pouco de creme de leite e sal. Nem precisei voltar o purê no fogo, porque a mandioca estava bem quente.
Escondidinho de Picanha 3
Escondidinho de Picanha 4
Coloquei uma “cama” de purê, a carne refogada, outra camada de purê e queijo parmesão ralado. Levei ao forno em 200ºC só para dourar a casquinha.
Agora que você já sabe o que fazer com as sobras do churras de domingo, se joga!
Escondidinho de Picanha 5
credito_panelaterapia

Maminha ao Molho de Vinho

Maminha ao Molho de Vinho

 

Receita simples e deliciosa, essa maminha fica parecida com a ao molho madeira, só que mais fácil ainda de fazer, mas você precisa perder o medo de panela de pressão tá colegue? Aguenta que eu tô fazendo um post/vídeo para te ajudar com isso ok?
Para essa receita luxo-mega-fácil você vai precisar de:
– 1 peça de maminha entre 800g e 1,2kg;
– 2 cebolas grandes picadas;
– 3 dentes de alho picados;
– 1 envelope de caldo de carne em pó;
– 1 colher (sopa) de shoyu (eu uso a versão picante);
– 2/3 xícara (chá) de água ou 160 ml;
– 1/2 xícara (chá) de vinho tinto seco ou 120 ml;
– 1/2 xícara (chá) de cogumelo champignon.
Não precisa refogar nada, apenas forre o fundo da panela de pressão com as cebolas e o alho, junte a água, o vinho, o shoyu e o sal.  Misture bem.
Esfregue o conteúdo do envelope de caldo de carne por todos os lados da maminha. Coloque a carne na panela, tampe e leve ao fogo alto.
Maminha ao Molho de Vinho 2
Assim que pegar pressão reduza para fogo mínimo e conte 50 minutos se sua carne tiver até 900g. Se pesar mais, conte 10 minutos a mais para cada 100g, ou seja (1 hora de tempo total se tiver 1kg, 1h e 10min se tiver 1,1kg e por aí vai…). Mas se sua carne tiver mais de 1,2kg você precisa aumentar os ingredientes do molho e os líquidos ok?
Passado o tempo de pressão, desligue o fogo, espere uns minutinhos até sair a pressão e abra a panela. A quantidade de molho que terá sobrado vai depender do diâmetro da sua panela, do quão alta é a chama do seu fogão, de quanto líquido sua carne soltou, por isso varia muito.  O molho que sobra fica assim:
Maminha ao Molho de Vinho 3
Nesse momento eu retiro a carne, fatio e reservo. Misturo 1 colher (sopa) cheia de amido de milho com meia xícara (chá) de água, junto ao molho e levo fogo mexendo até engrossar. Junto o champingnon e coloco sobre a carne. Fica di-vi-na!
Maminha ao Molho de Vinho 4
Importante: 
– Se você quiser um molho mais liso, pode bater com um mixer ou liquidificador antes de colocar o champignon.
– Se não quiser usar o vinho, pode colocar água no lugar e juntar mais um envelope de caldo de carne (além do que já tem na receita).
credito_panelaterapia